sábado, 12 de março de 2016

Uma loja... ou um museu?

Quando cruzamos a Rua dos Correeiros com a Rua de São Nicolau, não podemos ficar indiferentes à romântica montra que esconde aventura entre os produtos expostos.

No nº 50 da São Nicolau entramos para um outro mundo.

Entre prateleiras, e estantes que nos levam para outros tempos, reencontramos os produtos da nossa terra que agora renovados satisfazem paladares do mundo.

São sardinhas, doces e marmeladas, misturas de chás exóticas, vinhos e espirituosas.
São recordações em tecido. São outras sardinhas, que enfeitam as casas ou até servem de pisa papeis.
São os produtos de outros tempos, que nos lembram os pudins dos lanches das casas das avós.

Mas sobretudo é a obra de arte que enche e anima a loja. Num cenário projetado por um verdadeiro cenógrafo de teatro. Que assina cenários de grandes musicais, como os do La Feria.

Esta obra que se move, em que os bonecos representam personagens sobre a história da família fundadora da loja. E que atuam nos seus afazeres. Buscamos o encanto da história das gentes de cá.

E com tanto encanto é impossível não entrar, não olhar e conversar um pouco com quem nos atende na loja. Porque a curiosidade é mesmo muita.









Com amor,
Judite <3

Sem comentários:

Enviar um comentário