sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

A essência do querer

Por vezes questiono-me o que é mais forte: se o querer se o deixar ser.

A verdade é que muitas vezes queremos coisas com tanto empenho, e simplesmente elas não acontecem. Porque não dependem de nós. Porque existe um segundo ou terceiro elemento que não está disposto a participar.

Que pelo menos não acontecem enquanto pensamos nelas. .

Mas também é verdade que há cosias que parece que caiem nas nossas visas, vindas dos lugares menos esperados.

Diz a ciência da concretização, que devemos ter sempre em mente o nosso vision board. E que este simplesmente transforma o querer e o crer em poder. 

Mas também é verdade que existem certas teorias da conspiração. E que essas nos forçam a uma submissa omissão da nossa essência. 

Parto neste inicio de fim-de-semana com a questão: quanto é importante o nosso querer anunciado para a concretização e para a energização de todas as consequências?



Com amor, 
Judite <3

Sem comentários:

Enviar um comentário